ROMI

ROMI

Estande:
  • B23
  • Produto
  • Representante
  • Redes Sociais

Iniciamos nossas atividades em 1930 com uma oficina de reparo de automóveis fundada por Américo Emílio Romi, em Santa Bárbara d'Oeste - SP / Brasil. Hoje, somos uma empresa de renome internacional, cujos produtos e serviços são consumidos no mercado nacional e exportados para todos os continentes. Fornecemos para os mais variados setores da indústria, como aeronáutica, defesa, fabricantes e fornecedoras da cadeia automobilística, bens de consumo em geral, máquinas e implementos agrícolas e máquinas e equipamentos industriais, com qualidade, tecnologia e confiabilidade. Nosso portfólio de produtos é composto por: Máquinas-ferramenta, em especial Centros de Torneamento, Tornos CNC, Tornos Convencionais, Centros de Usinagem e Mandrilhadoras. Máquinas para Processamento de Plásticos (máquinas e equipamentos para moldar plástico por injeção e por sopro). Peças de ferro fundido cinzento e nodular, fornecidas brutas ou usinadas.

Produtos

  • Centro de Usinagem ROMI D 800 - Nova...

    A nova geração da Linha ROMI D, conta com equipamentos extremamente versáteis, com maior área de trabalho, destinados a uma ampla gama de aplicações, ...

  • Centro de Torneamento ROMI GL 300M -...

    Projetada para oferecer mais flexibilidade e versatilidade para todos os tipos de indústrias. Os modelos contam com o cabeçote principal com motor tip...

Carregando, aguarde...

Contatos

  • Informação para contato

    ROMI

    www.romi.com
    Rodovia SP 304 s/n Distrito Industrial Santa Bárbara d'Oeste São Paulo 13459057 Brasil
    Tel:  19 3455 9735

Categorias

  1. Setor de Atuação da Empresa
    Indústria
  2. Categoria de Produtos
    Agrícola
    Indústria
    • Equipamentos
    • Máquinas
    Transporte e Logística

Publicidade:


Aplicativo de Celular
O aplicativo gratuito estará disponível para download nos sistemas Android e IOS.
Avise-me


Você sabe qual o papel do setor de transporte & logística para o mercado de bioenergia?
Baixe o eBook “Uma saída para aumentar a rentabilidade no setor sucroenergético”
Clique aqui